65° dia. Mariana

65° dia. Mariana

jun 13, 2013

Mariana faz parte da história do nascimento de Minas, pois foi sua primeira vila, cidade e capital.
Um pouco de sua História:
No dia 16 de julho de 1696 a Bandeira comandada por Salvador Fernandes Furtado de Mendonça fixou uma base nas margens de um ribeirão denominado “do Carmo”. Acompanhado de alguns homens, percebeu a existência de grande quantidade de ouro na região, denunciada pelo pó amarelo encontrado no leito e fundo do rio. Construíram uma capela e nasceu Mariana.
Em 1745 a Vila do Ribeirão do Carmo, não mais arraial, foi elevada à condição de cidade, rebatizada Mariana. Era uma homenagem a D. Maria Ana D’Austria, esposa de D.João V.
Ainda em 1745 o Papa Bento XIV fez de Mariana a sede do primeiro Bispado de Minas Gerais.
Mariana é hoje uma das mais importantes cidades do Circuito do Ouro. Possui, junto com seus distritos, inúmeras riquezas do tempo em que começou a ser trilhada a história de Minas Gerais.
O conjunto arquitetônico da cidade  foi desenhado pelo poder do ouro, do governo e da Igreja. Grandiosos templos foram construídos na cidade, pois as missas foram durante muito tempo o principal acontecimento social dos mineiros, assim como as festas religiosas e demais rituais litúrgicos.

wpid 20130612 132746 65° dia. Mariana

wpid 20130612 132557 65° dia. Mariana

Praça de Minas Gerais, com a antiga Casa da Câmara e Cadeia,  Igreja São Francisco de Assis, Igreja Nossa Senhora do Carmo e o Pelourinho.

wpid 20130612 134604 65° dia. Mariana

Igreja de São Pedro dos Clérigos

wpid 20130612 143035 65° dia. Mariana

Catedral Basílica de N. Senhora da Assunção (Arquidiocese)

wpid 20130612 153444 65° dia. Mariana

                 Estação de trem

Visitamos uma atração imperdível, a Mina da Passagem, que está localizada a cinco quilômetros da cidade e é uma das pouquíssimas minas de ouro abertas à visitação no Brasil. A descida para as galerias subterrâneas se faz através de um trolley, num percurso de 315 metros, chegando a 120 metros de profundidade, onde se vê um lindo lago natural. No interior da mina a temperatura é estável, entre 17 e 20 graus em qualquer época do ano. Suas galerias têm cerca de 30 quilômetros de extensão, ligando subterraneamente Ouro Preto e Mariana. Desde sua fundação no início do século XIX até 1984, foram retiradas aproximadamente 35 toneladas de ouro (fora o que não foi declarado…). Lá embaixo fica-se imaginando o som das picaretas, a gritaria dos mineiros, o detonar da pólvora e toda a dor vivida por eles.
Ficamos refletindo sobre até que ponto chega a ganância do homem, pois todo esse ouro que trouxe riqueza para poucos, causou imenso sofrimento para a maioria envolvida em sua extração.

wpid 20130612 104655 65° dia. Mariana

                 Entrada da mina

wpid 20130612 111542 65° dia. Mariana

wpid 20130612 112243 65° dia. Mariana

             Lago dentro da mina

wpid 20130612 110344 65° dia. Mariana

wpid 20130612 105402 65° dia. Mariana

wpid 20130612 115102 65° dia. Mariana

wpid 20130612 112613 65° dia. Mariana

   Antônio de Paula, guia da mina

                         

Compartilhe e Curta!
 65° dia. Mariana

Sobre

Romulo e Mariana são casados, amam o cicloturismo e estão dando a volta ao mundo em uma bicicleta tandem.

Outras Aventuras:


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/pacot547/public_html/doisnabike.com.br/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273