323º dia. Porto de Galinhas (Ipojuca) a Barreiros

323º dia. Porto de Galinhas (Ipojuca) a Barreiros

fev 28, 2014

Bicicleta montada, pé na estrada novamente. A sensação foi a mesma do início da viagem: muita vontade de pedalar e ansiedade. Saímos de Porto às 8:30h da manhã rumo a Maceió, sem saber onde iríamos terminar o dia, sem muita expectativa, pois nos sentimos “enferrujados”. Na saída de Porto, pegamos um atalho, passando por dentro de...

Voltamos!

Voltamos!

fev 28, 2014

É com muito prazer e alegria que retomamos amanhã nossa viagem. Depois da parada nada rápida em Porto de Galinhas, seguiremos pelas belas praias do Nordeste até Aracajú, capital de Sergipe. Após esse pedal, o plano é voltar de ônibus até Recife onde embarcaremos para o Velho Mundo no final de Março. A estadia em Porto foi muito importante para nós,...

217° dia. Gaibu (Cabo de Santo Agostinho) a Porto de Galinhas (Ipojuca)

217° dia. Gaibu (Cabo de Santo Agostinho) a Porto de Galinhas (Ipojuca)

nov 14, 2013

Saímos um pouco mais tarde para tentarmos evitar o movimento dos carros em direção a Porto de Galinhas. A PE 028 é muito ruim para pedalar, o acostamento ficou por fazer e tivemos um pouco de dificuldade ali, depois entramos na PE 060 que é excelente, a rodovia é nova,  acostamento é largo  e quase sem movimento por causa do pedágio. Neste trecho há...

216° dia. Olinda a Praia de Gaibu (Cabo de Santo Agostinho)

216° dia. Olinda a Praia de Gaibu (Cabo de Santo Agostinho)

nov 11, 2013

Fundada em 1535 por Duarte Coelho Pereira, donatário da capitania de Pernambuco, Olinda tornou-se a capital, residência dos senhores de engenho e pessoas influentes. Desta época datam suas igrejas e casarios, construídos em estilo barroco. Os holandeses em 1630, preferiram a localização de Recife para a capital e a rivalidade entre as duas cidades culminou...

215° dia. Goiana a Olinda

215° dia. Goiana a Olinda

nov 11, 2013

O dia hoje terminou com a surpresa de chegarmos em Olinda, já que o planejado era parar em Itamaracá. Pegamos a BR 101 rumo a Igarassu e de lá até Itapissuma, para só então atravessar a ponte para a Ilha de Itamaracá. Isso significa uma volta de 50 km, visto que estávamos praticamente ao lado da ilha. As informações quanto as travessias pelos rios são...