419º dia. Makarska a Blace

419º dia. Makarska a Blace

mai 25, 2014

Como a rodovia é no alto, podemos observar as praias lá embaixo, a paisagem é bela. As vezes descemos até alguma praia no caminho e num  mercado em uma dessas cidades,  achamos uma camiseta do Brasil.

DSC 0315 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0316 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0317 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0318 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0319 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0320 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0321 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0322 300x225 419º dia. Makarska a Blace DSC 0323 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Na altura de Bacina, a rodovia se afasta das praias e começamos a avistar a região dos Lagos de Bacina, há um mirante num ponto estratégico, o mais bonito!

DSC 0324 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Lagos Bacina

DSC 0325 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Mirante dos lagos

Depois de lá, entramos em uma área rural e não turística, por sorte, encontramos uma placa indicando o “Camping Rio”, achamos o nome curioso e como uma luz seguimos para lá, apesar de estarmos desviando do caminho. Pedalamos por 8 km uma estrada plana, beirando um rio em direção à sua foz no mar.

O Rio Neretva deságua na região de Blace, formando uma praia de areia, bem diferente, já que as praias do Mediterrâneo são de pedras.

O camping está bem pertinho desta praia e o dono (Luca) explicou que pôs o nome por causa das cidades do Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Rio Grande do Sul no Brasil, ele amou essa palavra “RIO”. Sua esposa, Sílvia, polonesa, nos convidou para jantar e preparou uma comida deliciosa, juntou-se à nós um cicloturista polonês que havia chegado mais tarde. Não demorou muito e chegou Ariane, uma cicloviajante suíça, em sua primeira cicloviagem sozinha rumo ao Tajaquistão. Foi um encontro inusitado! Quatro cicloviajantes no mesmo dia e no mesmo camping.

Fomos ao bar do Luca na cidade e bebemos gamist (vinho branco+água com gás). A mãe da Sílvia ficou brava porque o genro oferecia vinho tinto a ela sem parar e ordenava “Mama drink!” para nos fazer rir. Dormimos como pedras e acordamos com uma terrível dor de cabeça. De manhã, Luca chamou uns amigos para nos conhecer e queria que bebêssemos mais. Apesar do peso, tivemos que levar pepinos, pimentões  e morangos da horta dele.

DSC 0326 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Feirinha de frutas na região rural

DSC 0327 300x225 419º dia. Makarska a Blace

DSC 0328 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Foz do Rio Neretva

DSC 0329 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Dom

DSC 0330 300x225 419º dia. Makarska a Blace

Ariane

DSC 0332 1 300x276 419º dia. Makarska a Blace

Luca, Sílvia e nós

Compartilhe e Curta!
 419º dia. Makarska a Blace

Sobre

Romulo e Mariana são casados, amam o cicloturismo e estão dando a volta ao mundo em uma bicicleta tandem.

Outras Aventuras:


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/pacot547/public_html/doisnabike.com.br/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273